Mergulho: 9º – Categoria: Avançado

Navegação Submarina

Local: Parcel Julião – Ilha Bela – Brasil
Data: 02 de Março de 2008

Tempo de fundo até hoje – 251 Min.
Tempo deste mergulho – 40 Min.
Tempo Acumulado – 291 Min.
Visibilidade – 2 Metros
Profundidade – 7 MetrosTemperatura da água – 22 ºC

Instrutor(a): Armando Assencio
Nº do Instrutor: 174996

DM estágio: Jeanini Nazareth, Fábio Simões e Luiz Ricardo Silva
DM T: David Matos e Mauro Assano

Psi/Bar Inicial:200
Psi/Bar Final: 50

Peso: 75Kg.
Água: Salgada

Mergulho de Embarcação.

Proteção Térmica: Roupa de mergulho comum, 5mm, manga longa e calça, mais bota.

Habilidades de Mergulhos versáteis:
Navegação submarina.
Saimos do barco com a bussola travada em direção a costa, chegando perto da costa marcamos uma pedra como referência e seguimos para a direita (90º) e nos guiamos pelo consumo na ida e volta. Ao retornarmos para o a pedra que marcamos, fizemos o 180 e voltamos contando o ciclo de pernadas até próximo ao barco.

Anúncios

Mergulho 8º – Categoria: Avançado

Busca e Recuperação.

Local: Parcel Julião – Ilha Bela – Brasil
Data: 02 de Março de 2008
Tempo de fundo até hoje – 221 Min.
Tempo deste mergulho – 30 Min.
Tempo Acumulado – 251 Min.
Visibilidade – 2 Metros
Profundidade – 7 MetrosTemperatura da água – 22 ºCInstrutor(a): Armando Assencio
Nº do Instrutor: 174996

DM estágio: Jeanini Nazareth, Fábio Simões e Luiz Ricardo Silva
DM T: David Matos e Mauro Assano

Psi/Bar Inicial:200
Psi/Bar Final: 120

Peso: 75Kg.
Água: Salgada

Mergulho de Embarcação.

Proteção Térmica: Roupa de mergulho comum, 5mm, manga longa e calça, mais bota.

Habilidades de Mergulhos versáteis:
Busca e recuperação com Pivo e corda.
Busca e recuperação dentro de um perímetro. Busca em ‘U” porque o terreno era bastante prejudicado.
Tivemos exito nas duas buscas.

Live Aboard – Páscoa – Março 2008

LiveAboard =´Passar alguns dias no mar, dentro do barco. Acampamento em alto mar.

Quando bateu a ideia de nos tornarmos instrutores nunca parei para pensar na quantidade de gente q eu acabaria conhecendo. a padi sempre fala em seus livros sobre o quanto eh importante fazer amigos, fala tanto que as vezes parece mais importante as amizades do que o proprio mergulho em si. para qm le na primeira vez e nunca mergulhou, isso soa como qualquer bobagem (como ja ouvi por ai) parece uma besteira que eles batem em cima apenas para mostrar o lado humano da empresa. Porem, desde que iniciei a minha carreira, tenho descobrido cada vez mais o valor das amizades e o quanto elas sao especiais e para qm falou e achou q era bobeira, espero que hj estejam tao surpresos quanto eu… vamos la…

o feriado começou na quinta feira ao meio dia…sai do trabalho em sao carlos exatamente ao meio dia para pegar estrada. meu medo era pegar muito transito tanto na estrada quanto na balsa de ilha bela (nunca esqueçam da balsa)
mas foi tudo bem, tirando as duas horas para pegar a balsa auhahuua…
chegamos na ilha umas 6 e poko da tarde e de cara encontramos o carlao qu enos orientou a tomar um banho (nos chamou de fedidos) e depois arrumarmos as coisas para levarmos ao barco, iriamos dormir ja nesta noite lá.
Tudo bem, tomamos banho, arrumamos equipamentos, sakolas com roupas e fomos para o barco…la conhecemos o resto da staff e tbm das pessoas que estavam ali pelo mesmo motivo que nós.

As primeiras dicas vem agora:

Confira tudo antes de entrar no barco, nao eskeça nada do carro, remedios contra enjoo, dor de cabeça e seja la o q for q vc possa ter, se existir possibilidade leve, vc esta no meio do mar, naum eskeça.

Economize muito na agua…existe muito pouka agua para todos, aprenda a conviver em grupo e naum deixe o egoismo reinar na hora de passar creme no cabelo debaixo d agua ou relaxar…

sem frescura 02, sem frescura…live aboard eh isso ai, chao molhado, equipamentos pelo chao (mas organizados) e se vcs tiverem sorte a comida vai ser otima, se o carlao estiver no barco, caso contrario, nao sei o q sera de vcs…

as camas sao confortaveis, eu me senti bem para dormir, o balanço do barco parecei ter o efeito de um berço. mas vc pode nao gostar, por isso o remedio contra enjoo…mas naum se preocupe, vc vai estar tao cansado do dia corrido de mergulhos seguidos que vai desmaiar assim q deitar de banho tomado…

aproveite o live aboard para aprender e corrigir suas falhas, mergulhe sempre com intenção de treinar ao mesmo tempo em que passeia.

divirta-se pq vc vai rir pra kct…
Bom, com o tempo vamos conhecendo as pessoas, ja no segundo dia eu tinha uma amizade com todo mundo, um povo legal, claro que algumas pessoas se identificam mais com vc e vc começa a fazer mergulhos em grupos e percebe que mergulhar com a galera eh bommmm demais…akele monte de gente na agua eh engraçado, um fazendo mais palhaçada que o outro, atras de peixes, tarugos e por ai vai…
A comida era sempre uma maravilha, no nosso caso, contamos com o rafinha no barco, ele eh da staff e faz pesca submarina, pegou alguns pexeis grandes e da hora para fazer sachimi…aaaa filhao, comi kilos e kilos auhauhauha…mas tinhamos churras tbm, carne, arroz, frutas no cafe da manha, mal alimentado vc naum vai ser…mas agora vem outra dica:

Nao tinha enjoado no barco ainda, mas um belo dia, acordei um poko mais tarde e tinhamos que mergulhar logo, tomei um leite com pao e cai na agua…quando estava no mergulho com a minha esposa, virei de ponta cabeça para poder ver um peixei debaixo de uma pedra, no instante seguinte quando voltei a posição normal, comecei a passar mal, sentir enjoo que piorou durante o resto do mergulho…assim que terminei e voltei a superficie, achei q iria vomitar, mas nao aconteceu…a merda eh q como o barco balança muito ele acabou mantendo meu enjoo e akilo me incomodou o dia todo… se for mergulhar logo, prefira comer frutas e coisa leve, o leite me ferrou pq eh muito gorduroso e demora para fazer digestao…
Quanto ao frio…vc aprende que luvas e toca fazem muita diferença…70% do calor do corpo escapa pela cabeçona, quando vc esta com o capuz vc aguenta muito mais frio..se vc naum tm roupa seca, eh uma boa ideia ter o capuz…e mais, vc deve ter tbm akela blusa mais fina, naum lembro o nome do material que vc usa por baixa de qualquer roupa, ela ajuda demais a manter o calor do corpo.

Outra ideia boa eh se vc naum tem um computador de mergulho, forme um grupo com qm tem, vai ser muito utilizado para fazer paradas descompressivas e tbm para vc anotar os dados do mergulho depois.
De resto, mergulhamos demais em varios locais de ilha bela. Ilha de buzios, ilha da vitoria, ilha das cagadas (a lage de ilha bela) e no naufragio velasquez. Foi um fim de semana genial, muito engraçado aonde fiz amigos, bons amigos que vou levar pela vida toda e com certeza vamos mergulhar muito por ai…

Um agradecimento especial a Staff…ROnaldo, Rafinha, Carlao e Tarcisio…pessoas experientes, inteligentes e acima de tudo com vontade de ensinar, aprender e humildes. vcs sao fera galera…

Aos amigos, gondo, guilherme, lu, carlao, tarcisio tamos junto aeee…em breve estaremos na lage de santos…
forte abraço a todos…se cuidem e ate mais !!

O mais importante desse live aboard e a dica mais valiosa eh a seguinte:

Aprenda a conviver em grupo. tolere os defeitos das pessoas, afinal, sao pessoas e como vc, tem defeitos.

Seja paciente, tenha espirito de ajudar, para que ser o melhor mergulhador e guardar tudo para vc ? besteira, isso eh um sucesso vazio e solitario, keira compartilhar, ajudar, ensinar e nunca esqueça o principal objetivo do mergulho, mudar a vida das pessoas e torna-las mais felizes.

Dedique-se, se vc vai seguir carreira, seja dedicado em aprender, nao permita errar, mas se errar, tenha paciencia e tente outra vez com ajuda se precisar, ate descobrir que akilo que preocupava vc eh a coisa mais tranquila do mundo. Mas nunca deixe o erro prevalecer, pois um dia ele pode ser fatal por mais bobo que seja.

Preocupe-se com todos ao seu redor, afinal, naum eh vc e dupla eh vc e alguns amigos.

divirta-se, de risada, fale bobagem, mergulhe…eh isso que vc vai lembrar na segunda feira a tarde, perto da hora de sair do trampo…

faça amigos.

Mergulhe….

Fotos gentilmente enviadas pelo amigo Gondo: http://gondoc.multiply.com/photos/album/67

img_2738menor.jpgimg_2742menor.jpgimg_2747menor.jpgimg_2754menor.jpg
img_2761menor.jpgimg_2766menor.jpgimg_2767menor.jpgimg_2771menor.jpg
img_2784menor.jpgimg_2787menor.jpgimg_2789menor.jpg
atyaaadml6engzwg709_4vqpydbvq24dyivoukowqypgaakruftdcwb2z-jri-ioykh4pydb7itmdmeli13va5bkfzsoajtu9vazzwf0gwkdko-eutqt8bfy7sf-pg.jpg

Chekout avançado

Fim de semana agitado…
Chekout de mergulho, agora categoria avançado…
Como de costume, segui juntamente com minha esposa para o litoral norte no sabado pela manhã, por volta das 5 horas da manha…chegamos la por volta da uma da tarde, as nossas tarefas iriam começar somente as 3 da tarde.

Passamos algumas horas na loja da Narwhal em ilha bela, conversando com o povo, fazendo amizades. realmente o grupo de mergulho avançado e mais seleto, um pessoal mais bacana do que no basico, creio q seja devido aos objetivos, qm esta no basico as vezes soh qr mergulhar para turismo, porem do avançado em diante a coisa fika mais seria ao mesmo tempo em q a maioria qr trabalhar com isso. O q eh bom, pois temos pessoa com um controle maior, com mais vontade e isso deixa tudo mais facil para todos.

assim que bateu as 3 horas, começamos a carregar nosso equipamento para barco. Dessa vez tinhamos mais coisas para levar, lanterna secundária, primária, apito, carretilha com 50m de linhas, mosquetões e tudo mais. A entrada no barco foi tranquila, porém o mal tempo denunciava o que tinhamos pela frente. Ao chegarmos no ponto de mergulho, a primeira tarefa seria de cara fazer o mergulho profundo… até ai sem novidades, continuei concentrado arrumando minhas coisas, colocando minha roupa e preparando equipamentos. O mar estava bravo, formando algumas ondas, perto do barco havia algumas água-vivas, o que denunciava que la embaixo a corrente estava realmente forte. Mesmo assim, estavamos pronto quando a chuva começou e pulamos um a um para água, a Camila e eu fomos os últimos e assim iniciamos nossa decida rumos aos 27 metros guiados pelo cabo de viagem amarrado junto a âncora, nosso guia e divemaster.
O frio era absurso, a mão parecia petrificada, a respiração cada vez mais dificil, naquele momento agradeci por não ser uma pessoa desesperada, me mantive calmo, concentrado, aguentando o frio e sempre preocupado com a minha espova que vinha logo atrás, quando batemos a marca de 27 metros, ja podia sentir o chão, visibilidade de meio metro a 1 metro, um escuro estranho, o instrutor acende a lanter e derrepente…

Uma das alunas aparece, sinalizando que algo estava errado, ela começou a sinalizar para subir e até então para mim, ela era nosso intrutor pois estavam com acessórios iguais, começamos a subir, e percebemos que ela estava meio desesperada, mas não podiamos ultrapassar a velocidade de segurança de subida, foi ai que então a Camil tomou a frente da garota, comigo ao lado, sinalizando para subir, começamos a subir talvez no máximo da velocidade limite, antes de nossas bolhas e assim subimos…
Naqueles momentos, me mantive preocupado com a Camila e também com medo pois não sabia ao certo o que estava acontecendo abaixo de nós…

Foi ai que chegamos a superficie e a Camila rapidamente inflou o colete da garota, com flutuabilidade positiva ela gritava para que tirassem ela da água, nesse momento alguém da tripulação na estava na água e tudo acabou bem, depois fomos saber que ela na verdade errou um exercicio quando estava la embaixo, o exercicio de zerar a mascara quando temos água dentro dela, ela acabou respirando agua pelo nariz e se engasgou, acabou se apavorando e decidiu subir.  Pela atitude dela, nossa atitude e de todos os demais, fomos parabenizados no final daquele sabado pela ação e por não termos entrado em pânico, ficou evidente que as coisas acontecem e temos que estar preparados e o que aconteceu foi uma experiência real em um treinamento, valeu pelo aprendizado, porém espero que sejam poucas as vezes que isso se repita e como quero seguir carreira nesse mundo, espero que o que venha acontecer não seja pior do que isso.

De resto, depois do acontecido voltamos para o mergulho profundo e realizei com todo mundo a descida aonde fizemos alguns exercicios e tudo deu certo….No mais, o domingo foi lindo, muito sol, um dia realmente especial aonde treinamos navegação por bussola,  e depois navegação em mergulho de turismo. Ainda no sabado, treinamos navegação a noite, e fizemos o mergulho noturno, que foi maravilha, mergulhamos em uma naufrágio, mas claro sem adentrar o navio, apenas do lado de fora. Mas logo vamos fazer esse mergulho, falta pouco para o curso de naufrágio. Completamos bem os exercicios, tivemos alguns problemas, porem saimos de la sem duvidas….mais detalhes, acesse a seção divelog e la vai estar o meu logbook.

-Algumas dicas para quem vai ser avançado:

-Não saia do curso sem duvidas, se errou, pergunte ate conseguir, tudo o que vc vai aprender neste curso vai ser utilizado em sua carreira, é bom que aprenda bem.

-No mergulho de busca e recuperação, cuidado ao descer com a corda e o saco de ar, prenda bem, nao deixe nada escapar.

-mantenha a calma no mergulho profundo e noturno, naum se desespere se sua dupla se perder no meio da escuridao, mantenha a calma ou vai ter mais um problema, siga o que aprendeu no teorico.

-mantenha contato visual sempre com a dupla, principalmente quando a agua estiver ruim como nesse fds.

-aprimore e automatize o uso da bussola, ela eh sua vida debaixo da agua tbm.
-vale a pena conversa muito sobre qm vai navegar e qm vai contar ciclo de pernadas e etc antes de cair na agua, vaum por mim, vc vaum economizar tempo, e stress..

-treine a flutuabilidade sempre.

-a noite no exercicio de bussola, cuidando com o terreno abaixo de vc, por nao conhecer o lugar esbarrei em varias pedras ate poder me situar totalmente.

-prenda bm os equipamentos no colete para q nao soltem.

-ja caia na agua com a lanterna ligada

quem tiver mais coisa para falar, soh falar….valeeeu te+++  fotos abaixo:

2.jpg3.jpg4.jpg5.jpg6.jpg
7.jpgatyaaabecpd1w5vayyajgx3_pyeux-jpt6a1c8cqy3egeu7oyelasjw77mox8ko5qatczzyfdgpbvi13w0lqeljfkwedajtu9vag4bjqilreylf2f8af3dglvjyngw.jpg

Mergulho: 7º – Categoria: Avançado

Mergulho Noturno

Local: Terezina(Naufrágio) – Ilha Bela – Brasil
Data: 01 de Março de 2008

Tempo de fundo até hoje – 191 Min.
Tempo deste mergulho – 30 Min.
Tempo Acumulado – 221 Min.
Visibilidade – 3 Metros
Profundidade – 12 Metros

Temperatura da água – 22 ºC

Instrutor(a): Jorge Louzada
Nº do Instrutor:

DM estágio: Jeanini Nazareth, Fábio Simões e Luiz Ricardo Silva
DM T: David Matos e Mauro Assano

Psi/Bar Inicial: 200
Psi/Bar Final: 50

Peso: 75Kg.
Água: Salgada

Mergulho de Embarcação.

Proteção Térmica: Roupa de mergulho comum, 5mm, manga longa e calça, mais bota.

Habilidades de Mergulhos versáteis:
Neste mergulho repetimos o exercicío de 180º, porém desta vez executamos o exercício com lanternas apagadas, aonde o aluno teria que marca a bússola para um sentido determinado pelo instrutor e então todos apagavam suas lanternas e somente o aluno escolhido acendia sua laterna e iria na direção determinada pelo instrutor tendo que retornar para o mesmo ponto depois de um ciclo de 15 pernadas.
Após este exercício fomos fazer um mergulho comum de turismo em torno do naufrágio porém sem adentrarmos o mesmo. Durante este exercicío testamos com bons resultados nossa flutuabilidade.

Mergulho: 6º – Categoria: Avançado

Mergulho Navegação

Local: Terezina(Naufrágio) – Ilha Bela – Brasil
Data: 01 de Março de 2008

Tempo de fundo até hoje – 156 Min.
Tempo deste mergulho – 35 Min.
Tempo Acumulado – 191 Min.

Visibilidade –
 3 Metros
Profundidade – 12 Metros

Temperatura da água – 22 ºC

Instrutor(a): Jorge Louzada
Nº do Instrutor:

DM estágio: Jeanini Nazareth, Fábio Simões e Luiz Ricardo Silva
DM T: David Matos e Mauro Assano

Psi/Bar Inicial: 200
Psi/Bar Final: 50

Peso: 75Kg.
Água: Salgada

Mergulho de Embarcação.

Proteção Térmica: Roupa de mergulho comum, 5mm, manga longa e calça, mais bota.

Habilidades de Mergulhos versáteis:
Neste mergulho foram efetuados os exercicíos básicos de navegação.
Navegação básica de quadrado e triângulo, navegação de 180º (ir e retornar ao ponto inicial)

Já estavamos perto do cair da noite. Estava no fim da tarde quando cai na água junto com minha esposa(dupla). Iniciamos a navegação por quadrado e depois por triângulo e acabamos por terminar com o 180º. Não tivemos problemas com esse tipo de exercicio, foi apenas uma tarefa para memorizar melhor a utilização da bússola.

Mergulho 5º – Categoria: Avançado

Mergulho Profundo

Local: Ponta da Sela – Ilha Bela – Brasil
Data: 01 de Março de 2008

Tempo de fundo até hoje – 128 Min.
Tempo deste mergulho – 28 Min.
Tempo Acumulado – 156 Min.

Visibilidade – 1 Metro
Profundidade – 27 Metros

Temperatura da água – 15 ºC

Instrutor(a): Jorge Louzada
Nº do Instrutor:DM estágio: Jeanini Nazareth, Fábio Simões e Luiz Ricardo Silva
DM T: David Matos e Mauro Assano

Psi/Bar Inicial: 200
Psi/Bar Final: 80

Peso: 75Kg.
Água: Salgada

Mergulho de Embarcação.

Proteção Térmica: Roupa de mergulho comum, 5mm, manga longa e calça, mais bota.

Habilidades de Mergulhos versáteis:

O primeiro mergulho do dia foi o profundo. Um certo nervosismo estava comigo, mas nada que me deixasse fora de foco e concentração. O dia estava feio, frio e cinza. A água esta turva, visibilidade muito prejudicada, ondas se formavam, era uma corrente muito forte. Assim que cai na água junto com a minha esposa, fomos para o cabo de viagem, e la seguramos até começarmos a decida. Decemos os 27 metros com um frio assustador, minha estava petrificada sem as luvas, meu corpo começava a sentir o frio tremendo pois eu estava com uma roupa comum de 5mm e não a semi seca (ainda não conseguimos comprar), mas aguentamos firme até o fundo. Porém la embaixo tive a minha primeira experiência de emergência real com o mergulho, uma das pessoas que mergulharam conosco acabou executando de forma errada o exercicío de zerar a mascára quando ela esta com água, o resultado foi que ela acabou se engasgando e a 27m, com visibilidade de 1m, um frio tremendo, acabou se apavorando e começou a subir. Nesse instante minha esposa e eu conseguimos alcança-la e guia-la em uma subida de emergência porém com velocidade inferior aos 18 metros por minuto. POr fim, ao chegarmos a superficie, minha esposa inflou o colete enquanto a garota gritava para ser retirada da água, alguns divemasters entraram na água e então tudo acabou bem. Nós acabamos voltando para o fundo, efetuando algumas anotações e calculos na prancheta. Apesar do frio e da dificuldade de escrever por causa da tremedeira constante, não tivemos narcose e nenhum outro agravante. Assim, retornamos a superficie após os exercicíos.